Imprensa

Abertura da 5ª Semana de Inovação reúne autoridades, gestores públicos, setor privado e sociedade civil

O tema deste ano é “Governo para as pessoas”. O evento ocorre até o próximo dia 7, no Instituto Serzedello Corrêa, em Brasília
Por Secom TCU
04/11/2019

Com o tema “Governo para as pessoas”, a 5ª Semana de Inovação foi aberta nesta segunda-feira (4/11), em cerimônia realizada no Instituto Serzedello Corrêa (ISC), com a presença de autoridades do governo federal, gestores e servidores públicos, representantes internacionais, do setor privado e da sociedade civil.

Em discurso, o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro José Mucio Monteiro, ressaltou que a Corte de Contas não está preocupada somente em detectar aquele que errou, “mas também em procurar quem é bem-intencionado e não quer errar”. “Sintam-se em casa, que nós tenhamos uma boa semana e que encontremos um caminho para que os bons desejem ser gestores públicos. É fundamental para o País e para os próximos governos que nós tenhamos pessoas esclarecidas, que tenham encontrado um caminho em comum. O trabalho que estamos fazendo aqui é para as futuras gerações de gestores brasileiros”, afirmou.

A mesa de abertura foi composta pelo ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Marcos Pontes; secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Paulo Uebel; embaixador da Dinamarca no Brasil, Nicolai Prytz; presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Leonardo Euler de Morais; diretor-geral do ISC, Fábio Granja; diretor-presidente do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), Caio Paes de Andrade; presidente da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), Diogo Godinho Ramos Costa; e diretor de Administração e Finanças do Sebrae Nacional, Eduardo Diogo.

Em suas falas inaugurais, os participantes foram unânimes ao afirmar que a inovação, em especial no setor público, deve se orientar à sociedade, tendo em vista uma maior efetividade e a entrega de serviços com mais excelência, o que, em síntese, significa ganho na qualidade de vida dos cidadãos. “O governo precisa inovar para a população e, para isso, precisa ter mais transparência e efetividade, políticas públicas baseadas em evidências, parcerias efetivas entre instituições públicas e órgãos de controle, como esse que eu represento, que não busquem apenas desconformidades e penalidades, mas que também visem identificar prioridades nacionais e demandas sociais e que, junto com os gestores, busquem soluções inovadoras para resolver problemas complexos”, reforçou Fábio Granja, diretor-geral do ISC, que é a escola de governo do TCU.

Sobre o evento -  A 5ª Semana de Inovação é realizada pelo TCU, pela Enap, pelo Ministério da Economia e pela Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso), com o apoio e a participação de diversas instituições do governo federal, além de organismos internacionais, entidades da sociedade civil e representantes do setor privado.

O evento tem como objetivo inserir a agenda de inovação no centro da estratégia de governo, de modo a acelerar o progresso rumo à solução dos desafios do setor público. Entre os temas a serem abordados nesta edição estão: experiência do usuário no setor público; transformação digital; tecnologias exponenciais; formulação de políticas baseadas em evidências; e inteligência artificial em políticas públicas.

O encontro ocorre de 4 a 7 de novembro, no ISC, em Brasília (DF). A programação inclui palestras, debates, oficinas, mesas-redondas, cursos e outras atividades. Veja mais em https://semanadeinovacao.enap.gov.br/.

 

5ª Semana de Inovação

 

Serviço:

Evento: 5ª Semana de Inovação

Data: De 4 a 7 de novembro de 2019

Local: Instituto Serzedello Corrêa (ISC) – Setor de Clubes Esportivos Sul, Trecho 3, Lote 3 – Brasília

Transmissão online: https://assiste.enap.gov.br/

 

Acompanhe o TCU pelo Twitter e pelo Facebook. Para reclamações sobre uso irregular de recursos públicos federais, entre em contato com a Ouvidoria do TCU, clique aqui ou ligue para 0800-6441500